ESCOLAS ESTADUAIS TERÃO ELEIÇÃO DIRETA PARA DIRETOR

1534955Os diretores das escolas estaduais do Rio de Janeiro serão escolhidos por meio de eleição direta, com votos de professores, funcionários, alunos e pais de estudantes menores de 12 anos. É o que determina o projeto de lei 584/15, do deputado Carlos Minc (sem partido), que a Assembleia Legislativa do Estado do Rio (Alerj) aprovou no último dia 12, em discussão única. A proposta segue agora para o governador em exercício, Francisco Dornelles, que terá 15 dias úteis para sancionar ou vetar o texto.

“Ficamos 13 anos sem democracia nas escolas, e agora ela vai voltar graças à luta dos estudantes e dos professores. O mais importante é que não vai haver mais indicação para a direção das escolas. Tem que ser no voto”, comemorou Minc.

Uma mudança aprovada no projeto garante que a candidatura não será condicionada à aprovação de um plano de gestão por parte do governo. “O plano poderia ser negado e, com isso, estar vetando alguma candidatura. Era um obstáculo à democracia”, afirmou o deputado Marcelo Freixo (PSol), um dos autores das emendas ao projeto.

Presidente da Comissão de Educação da Casa, o deputado Comte Bittencourt (PPS) também comemorou a aprovação. “A Comissão de Educação sempre se colocou favorável ao processo de eleição direta nas escolas do estado. Parabéns aos estudantes, que com seu movimento foram fundamentais para essa vitória, para devolvermos a democracia às escolas”, discursou.

Foto: Governo do Estado

, , , ,

Trackbacks/Pingbacks

  1. JOC1 - ESCOLAS ESTADUAIS TERÃO ELEIÇÃO DIRETA PARA DIRETOR - Guia Regiao dos Lagos - 19 de maio de 2016

    […] Veja a notícia completa no portal do Jornal O Cidadão […]

Deixe uma resposta

Deixe sua opinião aqui. Seu e-mail será mantidos em sigilo.